Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Imagem

Terça-feira, 09.02.21

20210208_234123.png

 

Sou selvagem como flor que nasce em íngremes rochedos assolados pelo vento onde a beleza modera a vertigem e o medo dos precipícios

Serei paixão daqueles olhos que vêem em meu rosto as feridas e rugas tatuadas com traços do meu destino onde a magia obrigou a adivinhar o melhor caminho

Sou como um livro que conta a história daquele coração que para trás deixou as mazelas dum frágil sentimento

Sou lápis que desenha as mais lindas letras expressas espontaneamente

Não, não sou poeta, sou apenas artista que escreve textos e pensamentos malabaristas que vive sonhando e sorrindo no RECANTO DE PALAVRAS SENTIDAS.

@David Viana

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por @David Viana às 00:12





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Fevereiro 2021

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28


Tudo a seu Tempo