Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



O colo da paixão

Domingo, 13.12.20

20201213_191206.jpg

 

Tardes de sonho

Quantas vezes te via descendo, apressada como se o tempo terminasse logo após ao nosso olhar
Ansioso, pelo escasso tempo eu te esperava, te imaginava como minha companheira
A tua presença me confortava a alma, o meu stress
Quantas vezes teus olhos brotavam lágrimas que brilhavam com o Sol
Via tua boca pequena escaldante pelos beijos recebidos
Teu silencio, o meu conforto
Tao lindo era ver em ti nascer lágrimas cristalinas e luminosas, lágrimas que dão vida, te dei vida com a minha intima presença.
Em teu redor o verde relva acolhe os amores em liberdade, onde todos se cruzam usufruindo do ar fresco da paisagem que lhe proporcionas
Amores esses que te veneram, amores esses que te rodeiam
Tantas vezes num Balão vermelho eu viajei contigo em sonhos imaginários
Quantas vezes me senti tão perto, que tua intima agua conseguia sentir
Tu foste o meu olhar
Tu foste a minha companhia
Tu foste minha alegria no meu silencio enquanto meditava
Tu eras a beleza na Cidade
Tu eras a Fonte de inspiração
Tua Agua as tuas lágrimas
Tua Agua o teu cabelo
O TEU LAGO, O MEU COLO.

@David Viana

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por @David Viana às 19:19


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Dezembro 2020

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031


Tudo a seu Tempo